Facebook do Município de Alvaiázere Youtube Share RSS Adicionar aos favoritos Imprimir
Em destaque
Início  >  Orçamentos em Curso  >  Propostas para OP 18+  >  Direitos e Deveres dos Professores na Sociedade do Conhecimento

Direitos e Deveres dos Professores na Sociedade do Conhecimento 3 Votos (1,87%)

Situados num mundo globalizado, assistimos a um salto quantum, uma viragem sem precedentes na sociedade em geral e na escola em particular. As tecnologias da informação parecem responseis por conduzir a nossa existência a novas paisagens e novos modos de conhecer, de ser e de fazer, tornando-se clara a necessidade de repensar os processos educativos atuais. Pretende-se, com este trabalho, desenhar novo(s) olhar(es) sobre quem ensina e quem aprende através do reconhecimento do valor dos desafios que hoje se acredita poderem concorrer para a (re)construção do perfil ético dos professores na sociedade do conhecimento. A revisibilidade da aprendizagem, a preparação ética do professor, a inovação, a escuta e colaboração entre professores e alunos, bem como a promoção de pensamento(s) e atitudes  reflexivos e críticos, capazes de conduzir à passagem da “consciencialização” á “conscientização” e de tornar o aluno um pensador e sujeito ativo, constituem alguns dos principais fundamentos teóricos do trabalho que nos propomos apresentar. 
 Do ponto de vista metodológico, a investigação inscreve-se num paradigma da natureza qualitativa, de matriz fenomenológica e interpretativa e socio-critica, com características de estudo de caso, de tipo instrumental, na medida em que a partir do ponto de vista dos participantes, inseridos no seu contexto natural (concelho de Alvaiázere), procuraremos compreender uma realidade mais vasta, o perfil ético dos professores. 
No sentido de construir uma visão integrada do objeto em estudo serão utilizadas para lá de várias fontes de informação, multíplices técnicas de recolha (entrevistas semiestruturada, focus group, técnica dos incidentes críticos, questionário aberto) e de tratamento de dados (analise documental e analise de conteúdo), distribuídas por duas fases estruturais, a da análise de “dados de estrutura” (literatura sobre o tema, currículos e legislação, e a recolha e analise de “dados dinâmicos”, na sequencia da qual se realizará uma ação de formação a sujeitar a acreditação, para professores/ formadores.
O estudo, que decorrerá num centro de formação a determinar, envolverá entrevistas, inquirição de alunos, entrevista a docentes da formação inicial, entrevista a formadores da formação continua, aplicação da técnica dos incidentes críticos a todos os professores participantes da formação a desenvolver no âmbito deste projeto; focus group com um máximo de três grupos de professores da mesma formação, distribuídos por áreas ou grupos de recrutamento, e uma ação de formação para professores/formadores. 
Este trabalho invoca, assim, a perspetiva de formadores de professores e alunos do 12º ano, inseridos numa realidade contextual pertencente ao concelho de Alvaiázere, partindo de dois pressupostos básicos: o primeiro é de que estes alunos são capazes de uma atitude reflexiva tanto mais consistente quanto se trata de sujeitos no términos de um longo período de suas vidas em que permaneceram numa relação direta com professores; e o segundo, é de que a voz deles e de todos os restantes intervenientes pode oferecer preciosos contributos para a clarificação do perfil ético dos professores na sociedade do conhecimento. 
Sistema
26-08-2015
Alvaiázere

Não existem comentários
© 2015 Município de Alvaiázere
Praça do Município 5250-100 Alvaiázere
tel. 236 650 600 | fax. 236 650 609 | e-mail. geral@cm-alvaiazere.pt
Powered By WM OP